ago 15 2011

Novas Revisões

Published by

Nesta área abordaremos as mais recentes revisões previdenciárias

2 responses so far

2 Responses to “Novas Revisões”

  1. EURIPIO R.MORAESon 26 fev 2012 at 12:43

    DR,
    GOSTARIA DE OBTER ALUMA SOBRE APOSENTADORIA
    1)-TENHO 58 ANOS DE IDADE 32 ANOS DE CONTRIBUIÇÃO E FIQUEI 7 ANOS SEM CONTRIBUIR GOSTARIA DE SABER SE PSSO CONTRIBUIR OS 3 ANOS EM COMPLETAR 35 ANOS .
    2)-NO ANO 2000 ME ACIDENTEI E EM 2004 COMECEI RECEBER UM BENEFICIO COMO ACIDENTE DO TRABALHO( AMPUTEI 3º DEDO DA MÃO DIREITA E OS 4 DEDO RESTANTES NÃO FECHAS E HOJE RECEBO 50% DO SALARIO DA EPOCA NUNCA FIZ NENHA REVISÃO SERA QUE TENHO DIRETO.
    3)-CASO ME APOSENTO O BENEFICIO INGLOBA NA APOSENTADORIA OU NÃO.

    DESDE AGRADEÇO
    END.E-mail OU 011-47051997-7424579

  2. adminon 27 fev 2012 at 13:09

    Bom dia Sr. Elpidio

    Em primeiro lugar para alcançar o tempo integral ( 35 anos) você poderá contribuir o tempo restante mas o que devemos verificar é se vai valer a pena, pois muitas vezes a diferença pode ser pouca na renda mensal inicial. Destes 32 anos não teve nenhum período laborado em atividade especial? ( insalubridade ou periculosidade)…, pois caso positivo poderá solicitar o enquadramento e seu tempo de serviço pode sofrer um acréscimo de 40%. Exemplo: trabalho 10 anos em exposição a ruídos superiores a 90 dB terá um acréscimo de 4 anos. A melhor solução será realizar uma contagem do tempo de contribuição correta ebm como requerer no INSS a Relação de salários de contribuição de julho de 1994 até a presente data para verificarmos qual será o valor da renda mensal inicial aposentadoria.

    No tocante ao auxílio-acidente não temos revisões atuais para este benefício ao não ser que seja inferior a um salário-mínimo. Por fim destaco que a contar de 1997 este não pode mais ser cumulado com a aposentadoria. Assim sendo, deferido o benefício de aposentadoria cessa o auxílio-acidente.

    grande abraço

    Luciano Mossmann

Trackback URI | Comments RSS

Leave a Reply